sábado, 19 de setembro de 2015

Chef (Chef, 2014)

Na busca de talvez encontrar a temporada anterior do Masterchef na Netflix, eis que encontro este filme, mas o que esperar dele? Comida? Sim! Só que junto com a comida, podemos adicionar treta nas redes sociais, onde a coisa fica mais temperada (tu-dum-tsss).

Jon Favreau faz o papel de um chef chamado Carl Casper que trabalha num restaurante comum, e após receber uma crítica negativa de um blogueiro,  resolve que deve arriscar mais no seu cardápio assim como era no início de sua carreira, só que seu chefe não aceitará isto de forma positiva, a coisa toda leva ele a se tornar desempregado e virar um meme na internet.

Só isso? Não, vamos acrescentar problemas familiares, como por exemplo: ex-mulher e ser um pai ausente.

A estória realmente começa a ficar legal, quando surge seu Food Truck, El Jefe, algo que não era uma ideia nova, mas pouco aceita por ele, e nisso, a relação pai e filho começa a se desenvolver, dar a volta por cima de um carreira manchada, e ser novamente um sucesso nas redes sociais, tudo isso na estrada.

Tirando a comida, as redes sociais, e otras cositas, temos um belo filme que mostra a reconstrução da relação entre pai e filho. Chef é um filme engraçado, que possui drama na medida certa, e pode render algumas horas de diversão

Assistido: na Netflix

Nenhum comentário:

Postar um comentário