terça-feira, 28 de setembro de 2010

AINDA não vale a pena comprar um Kindle (ou qualquer outro e-reader)

O Kindle parece uma ótima ideia para aquelas pessoas que não querem derrubar mil e uma árvores para ler um livro, mas a questão é se o custo/benefício do Kindle é realmente tão real. A Amazon tem um vasto acervo de livros, mas na maioria em inglês, além disso, nem todas as editoras ou escritores brasileiros publicam seus livros em formato digital, a questão que fica na nossa cabeça por esses e outros fatores é:
Será que 139 dólares, mais taxas de impostos, taxa para retirada e acessórios são realmente baratos?

Simulando uma compra de um Kindle Wi-Fi e de uma capa comum, temos os seguintes valores:

Kindle Wi-Fi (terceira geração): US$139,00
Capa comum preta: US$34,99
Taxa: US$191,15
Envio: US$26,97
TOTAL: US$392,11 (R$670,11, com o dólar em R$1,70)

Ou seja, são 670 reais no cartão e mais alguma taxa absurda que será paga na hora da retirada no correio. Não vou mentir que tinha, e ainda tenho vontade de ter um Kindle, mas lembrar que vou ter que pagar um valor alto por um leitor e por livros digitais, é difícil concluir a compra.

Ainda é vantajoso possuir um livro de verdade, você pode fazer pesquisas em várias lojas para achar o melhor preço e sem se preocupar com a língua, afinal de contas você irá comprar algo que tem uma grande variedade e sempre estará na sua língua. Lembrando que se você tem um inglês fluente poderá importar livros em inglês sem pagar uma única taxa.

UPDATE:
"esqueci de falar um pouco mais sobre o custo/benefício neste post, e-reader nenhum está com tanta vantagem hoje em dia. Uns tem pouca qualidade, outros não tem nada disponível para eles, enquanto outros podem estar até num nível ótimo ou aceitável como o Kindle, mas o preço pago é praticamente inaceitável.

Se eu pagar 800 num valor total do Kindle ou de um outro e-reader, eu estarei me roubando, não consigo gastar 800 reais em revistas e em livros em 1 ano. E acho que nem pra fins escolares teria tanta vantagem, será que livros de cursos de nível superior tem formato digital (legal)?

Além de pagar um valor super alto no e-book, você terá que pagar o livro digital (que as vezes o preço chega a ser igual ao de um livro real), aí realmente nem o Kindle, nem o escambau vale a pena. "

quarta-feira, 22 de setembro de 2010

Próxima leitura #4

Semana passada chegou mais um livro pra lista de espera de leitura, sendo também o primeiro livro em inglês que compro.

"Just a Geek" é um livro escrito por Wil Wheaton, que fez Star Trek: The Next Generation (Jornada nas Estrelas: A Nova Geração) e participou de alguns episódios da terceira temporada de The Big Bang Theory, neste livro ele conta um pouco sobre a fama e a vida 'normal' de um ex-ator de Star Trek.

Ultimamente tive que dar um tempo na biografia de Saramago e estou lendo 'Dom Casmurro' para um projeto da escola, provavelmente 'Just a Geek' será o próximo livro após a retomada e conclusão da biografia de Saramago.

quarta-feira, 1 de setembro de 2010

O Mar de Monstros

A primeira coisa que me veio à mente é que eu não teria perdido nada se não tivesse lido "O Ladrão de Raios", mas sinceramente o primeiro livro é melhor que o segundo e bem mais agitadinho, isso deve ser pela "magia" de estar lendo algo novo ou pelo fato do personagem principal estar descobrindo os próprios poderes.

O Mar de Monstros é o segundo livro da saga "Percy Jackson e Os Olimpianos", nesta segunda parte Percy consegue se dar bem na escola durante todo o ano, mas logo no final do ano algo teria que dar errado, ele também vai descobrir que o seu amigo de escola não é uma pessoa tão normal como ele pensava. Novamente vemos a mitologia sendo aplicada aos nossos dias e as aparições de deuses e monstros continuam.

Posso dizer que a partir do segundo livro vimos que "Chronos" não está tão esquecido e que com certeza ele vai ser o assunto da saga. Neste volume Chronos e Luke começam a causar o terror no acampamento, aplicando algum tipo de veneno que começa a matar a árvore de Thalia, o único remédio para isso é encontrar o velocino de ouro que está guardado em uma ilha localizada no mar de monstros e é protegido por um pastor ciclope.

Praticamente nada irá mudar tão seriamente, como um personagem aparecer pra mudar tudo ou um personagem desaparecer, isto inclui a mãe de Percy Jackson que sempre aparece no início e no fim do livro e nada de tão sério ela faz.

Como já disse a descoberta de poderes torna o primeiro livro mais interessante e no segundo livro Percy começa a descobrir novos poderes.

E para fechar com chave de ouro, a missão do livro dá tão certo que ocorre um erro, Thalia magicamente "renasce" o que de certa forma poderá prejudicar o acampamento.