segunda-feira, 18 de abril de 2016

O Torneio: Jogando como um Campeão - Marcelo Castro

Você pode esperar de tudo em um livro com esse título, tudo mesmo, menos que ele seja tão decepcionante como essa leitura foi.

O autor não conseguiu desenvolver bem a narrativa, para o que parece ser um conto ficcional, passamos para uma leitura motivacional, algo do tipo: "Você consegue!", a coisa vai correndo tão depressa que em minutos estamos no final da estória, e totalmente sem motivos para acabar naquele ponto, afinal de contas, quem lê ficará totalmente decepcionado com uma estória que nos leva a acreditar em uma reviravolta, grande sonho se realizando e do nada, FIM.

Qual era a emoção do personagem no momento? Como foi "O Torneio"? Ganhou? Perdeu?

Gostaria de uma estória mais completinha, não algo como: Estou com tempo livre, vou escrever algo por meia hora no word e publicar na Amazon.

Dei 3 estrelas, mas se tivesse dado uma nota menor ainda seria muita coisa.

Se houver coragem, você pode comprar o conto disponível na Amazon, "O Torneio: Jogando como um Campeão".

segunda-feira, 11 de abril de 2016

Personagem de um conto eterno - Daniel Fernandes

Personagem de um conto eterno foi um dos meus contos favoritos, mexe com ficção, sobre como a estória pode se repetir, e na verdade, se você reler o conto várias vezes não vai sentir como se estivesse recomeçando a estória, pois afinal de contas [possível spoiler] o personagem está preso em um momento que se repete [/possível spoiler].

A estória em si parece ser algo mal desenvolvido, mas você pode analisar fatores bem interessantes, os detalhes descritos sobre cada momento, a contagem do tempo e como cada vez o clímax da narrativa está chegando, será que ele vai conseguir?

Dei 5 estrelas na Amazon e você pode encontrar o conto aqui: Pesonagem de um conto eterno.

segunda-feira, 4 de abril de 2016

Páginas em Branco - J. J. Moreno

Uma das coisas mais difíceis de falar sobre contos é que qualquer coisinha você provavelmente já falou metade da estória, e nesse caso estamos falando de um conto que provavelmente qualquer coisa é 80% da estória.

Roger, o personagem principal percebeu que ele não havia contribuído com nada para a humanidade, sua vida era insignificante, ele não conseguia nem se sustentar com o próprio trabalho, mas ele resolve que deveria escrever alguma coisa, algum texto, afinal de contas, ele poderia morrer ou o mundo se acabar a qualquer momento, o que ele teria feito?



Dei 3 estrelas na Amazon e você pode encontrar o conto aqui: Páginas em Branco.

sexta-feira, 1 de abril de 2016

Resumão Março/2016

O mês de março foi bem pouco produtivo para as leituras, na verdade não conclui nenhuma leitura, e nem consegui terminar alguns livros que estavam na minha TBR do mês. Na verdade consegui ler dois contos do Tolstói, o que provavelmente vai me fazer passar um tempinho sem pegar para lê-los.

Sobre as aquisições, este mês comprei vários ebooks na Amazon:

  • Negócios de Família
  • Um Encontro Inesperado
  • As crônicas Ridell: Volumes I e II
  • Anna Kariênina
  • Estrada 401
  • O Planeta dos Macacos
  • O Espadachim de Carvão
  • Os três mosqueteiros
Tenho que dizer que o motivo de tantos ebooks foi promoções e promoções, os três últimos não paguei nada. Mas também comprei apenas um livro físico, que foi Orgulho e Preconceito.

Março foi bem corrido para mim pois consegui um emprego, por isso quase nenhum post no blog, mas prometo que vamos ter algumas resenhas em breve, os posts dos contos continuarão aparecendo por aqui, tenho vários para ler e comentar com vocês.

segunda-feira, 28 de março de 2016

Melhor que Sorvete na Chuva - Vanessa Carneiro

"Foi o dia em que um sorvete mudou minha vida."
Conto meio menininha, mas até achei interessante, algo bem engraçado, sem necessidade de partir pra o lado sexual das atuais estórias de romance.

Aqui encontramos um casal relembrando de como se conheceram, sim, a estória é meio bestinha, meio água com açúcar, mas vale a pena conferir algo que não demorará 5 minutos e dá pra se divertir.

Dei 5 estrelas na Amazon e você pode encontrar o conto aqui: Melhor que Sorvete na Chuva.


P.S.: temos referência à Doctor Who.
P.S. 2: não, eu não sabia dessa referência.
P.S. 3: e não, não dei 5 estrelas por causa da simples referência.